segunda-feira, 29 de junho de 2009

... Rasa ...


Minha casa é sombra,
Minha tarde é chuva.
Uma semana sem teu amor.

Tudo que me faz lembrar,
Todos os segundos.
Conheci o mundo pelo teu olhar.

Minha vida é rasa,
Minha vida é água.
A tua ausência rareia o ar.

É de pedra o meu jardim,
Um museu em mim.
Pensamento longe e um sem-fim no olhar.

Sinto em meus anseios,
Sonhos e desejos,
Algo se empedrar......
Como leite em falsa gravidez,
Como gente que não sabe amar.

Minha vida é rasa,
Minha vida é água,
Minha vida é nada,
Sem o teu olhar.

By: Jorge Vercillo


2 comentários:

  1. adorei...

    kd meu post, fuleira!!!!
    huhauauauauauah

    by: Allanzh...

    ResponderExcluir
  2. Arthur... Arthur... Arthur... Esse blog devia se chamar Arthur e não Bruna Lima! hauhsuahsua

    ResponderExcluir

Comentem!! :)