segunda-feira, 13 de julho de 2009

* Cinderela * (De um jeito que você nunca viu)


A história de Cinderela, essa inocente vítima da opressão, tem sido, com pequenas variações, parte de toda e qualquer cultura. Ela pode ter surgido no passado distante entre os chineses, cujos aristocratas apreciavam pés pequenos. A versão popular hoje em dia foi transcrita da tradição oral nos anos de 1600 por um francês, Charles Perrault, e transformada em filme pela Wal Disney, em 1950.
A influência prejudicial de Cinderela lançou uma sobra sobre nós. Ela personaliza uma distorção da realidade, a realidade na qual se espera que nossas recompensas sejam merecidas.
Uma das características sinistras da história é a idéia de que as madrastas são más. Na verdade não podemos nem pensar na palavra "madrasta" sem mentalmente acrescentar o adjetivo "má" a ela. Além disso, Cinderela força mentalidade passiva daqueles que aceitam sua carga de opressão na vida enquanto esperam que forças místicas venham ao seu auxilio.
No final, Cinderela se torna uma Princesa e perdoa sua madrasta e as irmãs adotivas opressoras, apesar de sabermos que elas deveriam ser processadas por abuso infantil.
Cinderela é patética, mas nos apaixonamos pela idéia de que a tonta vencerá no final. Para esse fim, uma fada madrinha lhe dá roupas elegantes para que ela consiga atrair os olhares do Príncipe que, por acaso, está justamente procurando uma mulher para se casar. Enfeitada com suas roupas espalhafatosas e jóias vistosas, Cinderela chama sua atenção em um baile onde não é nada além de um cabide de roupas. Ela não fez nada para merecer as atenções. Ela não merece nada, exceto, talvez, o salário mínimo em casa. E, mesmo assim, consegue fazer com que o Príncipe se case com ela. Não é essa a lição que deveríamos ensinar às nossas crianças. Há velores mais importantes do que boa aparência, roupas finas e enfeites caros - inteligência, independência, auto-estima, responsabilidade e automotivação - e nenhum deles caracteriza Cinderela.
Vamos deixar a mentalidade de Cinderela de lado e apresentar às crianças os valores genuínos na vida, isto é, que elas precisam merecer suas recompensas. E, enquanto fizermos isso, vamos nos livrar da atitude de que somos malvados se gritarmos para nossos filhos: " Arrume seu quarto!"

É UMA VELHA HISTÓRIA:
A Fábula originou-se na China mais ou menos no ano 860, em The Miscellaneos Record of Yu Tang (O variado registro de Yu Tang), por Tuan Ch'eng-Shih
~♥~

Esse Texto foi extraído do Livro AS PESSOAS MAIS IMPORTANTES DO MUNDO QUE NUNCA VIVERAM de Allan Lazar, Dan Karlan e Jeremy Salter. Um Livro Fabuloso, engraçado e com bastante conteúdo que eu recomento a todos!
Este texto da Cinderela me chamou bastante atenção por ser uma verdade tão na cara e muitos de nós nem percebemos e perpetuamos essa fábula, contando a filhos, sobrinhos, netos, provocando algum distúrbio na formação moral de nossas crianças... Achei Magnífico!


DESLIGUE O COMPUTADOR
E VÁ LER UM LIVRO!
=)

3 comentários:

  1. Se eu desligar o pc quem vai comentar no seu blog?
    Se todos decidirem seguir seu conselho,quem comentará no blog?:O
    Que conselho mal, igual a história da cinderela... haushauhsua
    Brincadeirinha, maninha... Amei o livro!
    A história de Helena de Tróia é ótimaaa! hyushausua
    Imagine você saindo de um ovo e ainda assim sendo a mulher mais bonita da Terra, apesar de ser filha de um deus! :O

    ResponderExcluir
  2. Nossa que Bárbara tá polêmica hoje! Kkkk....
    Olha, eu nunca tinha pensado dessa forma. Mas talvez ela tenha sido radical demais..=/
    A cinderela dos ratinhos é melhor, que fala da amizade também, hehehe... Gosto muito de filmes de animação.
    Mas é um ponto de vista interessante e que não conhecia...
    Quando comecei a ler, pensei que fosses falar das primeiras versões dos contos de fada. É muito massa! Se não conheces, pesquisa que vale a pena!
    Até +

    ResponderExcluir
  3. Sábio conselho,filha querida!
    "DESLIGUE O COMPUTADOR E VÁ LER UM LIVRO!"
    E não esqueça que o mais importante de todos é chamado carinhosamente de "O LIVRO DOS LIVROS",a BÌBLIA SAGRADA,inerrante,infalível, poderosa,fiel e digna de toda aceitação PALAVRA DE DEUS!Lá tem o registro de uma história real,mais bela que a da cingerela: "A HISTÓRIA DE ESTER" dentre outras...
    Um beijão no coração c/mto Krinho do seu Pai
    Amós Batista.

    ResponderExcluir

Comentem!! :)